Cliente da ECT poderá rastrear encomendas

Os clientes da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) vão poder monitorar on-line as rotas de suas encomendas, enviadas para todo o território nacional e para 32 países que possuem acordos de troca de informações com a estatal brasileira. O ministro das Comunicações, Pimenta da Veiga, e o presidente da ECT, Hassan Gebrim, apresentaram hoje o Serviço de Rastreamento de Objeto (SRO), um software que permite saber por onde as embalagens passaram até chegar ao local de destino.No caso de atraso na entrega, os Correios conseguem descobrir onde as embalagens estão. A ECT investiu US$ 30 milhões na montagem de uma plataforma que vai facilitar também as exportações de micro, pequenos e médios empresários. "Este mecanismo atende diretamente às necessidades das empresas que utilizam o Exporte Fácil, um programa de envio de encomendas por meio dos Correios", explicou Pimenta.Na Internet (http://www.correios.com.br/sro/) o cliente recebe informações sobre o trajeto do produto. O site da autarquia diz o horário da entrega, e quem recebeu a encomenda no local de destino. É possível também conseguir os mesmos detalhes pelo 0800 56 0159 (ligação gratuita) ou pelo telefone celular que tenha o serviço WAP. Neste caso, basta digitar wap.correios.com.br para ter acesso ao serviço.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.