Ciro se reúne com Aécio e reitera que é candidato

O deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE) desembarcou na tarde de ontem de surpresa em Fortaleza. Reuniu-se, a portas fechadas, com o governador mineiro Aécio Neves (PSDB) no Palácio Iracema, sede do governo cearense. A conversa foi reservada. No desembarque, no saguão do aeroporto, Ciro fez questão de afirmar que, antes de presidenciáveis, ele e Aécio são "amigos que se admiram". O deputado cearense reiterou ser candidato à Presidência da República e mencionou a insistência da base aliada e do próprio presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele dispute o governo paulista. Segundo Ciro, a ideia não foi descartada. Ressaltou, porém, que ainda não transferiu seu domicílio eleitoral para São Paulo. "Estou pensando. Eu já disse que não quero, não é meu projeto, mas eu respeito essas pessoas. Entre elas está o Lula, que me pediu para pensar nessa possibilidade e a gente vai pensar junto", contou. Ciro também disse não se sentir incomodado por uma eventual candidatura à Presidência da ex-ministra e ex-petista Marina Silva, pelo PV. "Não é provável que haja um plebiscito no País, daqueles que apoiam e que são contra o Lula, porque algumas variáveis estão fora do controle do presidente e das forças que o apoiam", afirmou.ELOGIOS Ciro não poupou elogios a Marina. "É uma pessoa maravilhosa, é minha amiga. Vai acrescentar dados interessantes ao debate nacional", avaliou.

Carmen Pompeu, FORTALEZA, O Estadao de S.Paulo

21 de agosto de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.