Cidade pernambucana pode ter nova eleição

O candidato a prefeito de Lagoa Grande (PE) mais votado no primeiro turno, Jorge Roberto Garziera (PMDB), não teve seu registro confirmado pelo Tribunal Superior Eleitoral. Segundo o TSE, a cidade deve ter nova eleição para indicar o preeito. As contas de Garziera foram rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado e ele não obteve liminar para suspender a inelegibilidade. Ele alegou que não se esgotaram os prazos para corrigir as irregularidades.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.