Cidade do RS voltará às urnas para eleger novo prefeito

O município gaúcho de Pouso Novo voltará às urnas no dia 25 de março para escolher um novo prefeito. A determinação é do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que confirmou a cassação do prefeito Edio Gonzatti e do vereador Fábio Medeiros.Filiados ao PTB, os dois foram condenados em processo por compra de votos na eleição de 2004. Gonzatti é o sétimo prefeito eleito naquele ano afastado pela Justiça Eleitoral do Rio Grande do Sul. Quatro voltaram ao cargo e dois foram substituídos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.