Chineses estudam investir em Ribeirão, diz Palocci

O prefeito de Ribeirão Preto, Antônio Palocci (PT), disse hoje que a empresa chinesa Avic, fabricante de turbinas de avião, poderá instalar, no município, uma unidade que começaria a operar a partir do próximo ano, para produzir turbinas para usinas termoelétricas. "É uma área com potencial de expansão no País e que, sem dúvida, vai atrair a atenção do mundo todo", comentou Palocci, ao falar sobre a viagem que fez à China integrando uma comitiva de dirigentes do PT.O prefeito informou também que pretende criar um intercâmbio entre as empresas ligadas ao setor médico da cidade, que participam do programa de incubadora instalado na USP, e empresas semelhantes existentes na China. Outro programa de intercâmbio de bastante interesse dos dois países, segundo Palocci, é o de utilização do álcool no combustível. "Por ser saudável ao meio ambiente e reduzir custos com o combustível, a China se interessou em adquirir conhecimento brasileiro na área para investir na produção de álcool, já que possui cultivo de cana-de-açúcar no país", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.