Chinaglia forma bloco parlamentar com 273 deputados

O deputado Ricardo Barros (PP-PR) anunciou nesta quarta-feira a formação de um bloco com oito partidos na Câmara que somará 273 deputados. A formação do grupo, que contará com PMDB, PT, PP, PR, PTB, PSC, PTC e PTdoB, foi definida durante uma reunião entre os líderes desses partidos e o candidato à presidência da Casa Arlindo Chinaglia (PT-SP). De acordo com Ricardo Barros, o objetivo é garantir a proporcionalidade dos partidos na escolha dos cargos da Mesa Diretora e fazer frente ao bloco anunciado na terça-feira pelo PSB, PCdoB e PDT, que tiraria cargos das outras legendas na Mesa da Casa, formada por sete titulares e quatro suplentes.Barros disse ainda que, na noite de terça-feira, parlamentares tentaram fazer com que PSB, PCdoB e PDT recuassem da decisão de formar um bloco. No entanto, como não houve resposta, os líderes das outras legendas decidiram fazer alianças semelhantes, com um número maior de integrantes.A intenção agora, segundo Barros, é distribuir as vagas da Mesa entre os partidos integrantes do bloco criado nesta quarta-feira. Todos os integrantes apóiam a candidatura de Chinaglia à presidência da Câmara. Dessa forma, avalia Barros, o petista tem muitas chances de sair vitorioso do primeiro turno da disputa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.