China produzirá genérico antiaids

Uma versão genérica da droga antiaids AZT estará disponível na China antes do final deste ano como uma alternativa mais barata aos medicamentos importados, informou hoje a farmacêutica chinesa Northeast Pharmaceutical, que fabricará a droga.A porta-voz da empresa, Shi Yanling, não soube informar o preço do genérico, mas afirmou acreditar que "a maioria dos pacientes terá condições de adquirir o medicamento".Nos EUA, o custo anual do AZT por paciente é de US$ 6,6 mil. O AZT, fabricado pela britânica GlaxoSmithKline, é a droga mais antiga e conhecida no tratamento da aids.De acordo com uma porta voz da autoridade de saúde da China, que pediu anonimato, o genérico poderá ser produzido porque a patente chinesa do AZT expirou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.