China enviará sementes de arroz e trigo para o espaço

O ministério da Agricultura da China anunciou que enviará arroz e trigo para o espaço no próximo outono (no hemisfério norte) para obter novas variedades dos dois cereais, informa a agência EFE, citada pelo jornal argentino Clarín. O projeto "Cultivos no Espaço" pretende conseguir variedades de crescimento rápido, alta produtividade e alta qualidade.A China lidera as investigações sobre melhoramento de arroz, que segue como um alimento básico na dieta da população chinesa. O país já co abora com as potências que lideram o projeto da Estação Espacial Internacional no campo da "agricultura espacial". Em pesquisas anteriores ao envio dos grãos para o espaço, cientistas chineses submeteram sementes de arroz e trigo a condições biológicas e atmosféricas semelhantes às encontradas no espaço sideral.A Agência Espacial do país informou ainda que enviará o primeiro astronauta chinês, convertendo-se no terceiro país que envia uma nave própria ao espaço. Ao lado da Rússia e dos Estados Unidos, a China é um dos poucos países que detém a tecnologia para recuperar satélites espaciais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.