Chávez diz a Obama: Eu votaria em você, e você em mim

Com os dois presidentes enfrentando apertadas disputas de reeleições, o venezuelano Hugo Chávez mostrou um surpreendente endosso a Barack Obama neste domingo --e afirmou que o líder dos EUA, sem dúvida, sentia o mesmo.

HELEN MUR, Reuters

30 de setembro de 2012 | 15h13

"Eu espero que isso não o prejudique, mas se eu fosse dos Estados Unidos, eu votaria em Obama", disse o socialista Chávez sobre um homem a quem inicialmente pediu ajuda em 2009 mas que, desde então, geralmente insulta.

Chávez é candidato a um novo mandato de seis anos contra o desafiante Henrique Capriles, enquanto Obama busca a reeleição em novembro contra o candidato republicano Mitt Romney. As eleições venezuelanas acontecerão no próximo fim de semana.

"Obama é um bom sujeito ... Eu acho que, se Obama fosse de Barlovento ou algum bairro de Caracas, ele votaria em Chávez", o presidente disse à TV estatal, referindo-se a uma pobre cidade costeira conhecida pelas raízes africanas da sua população.

Chávez é um dos mais estridentes críticos a Washington, e seus 14 anos de mandato foram caracterizados por brigas diplomáticos e insultos à Casa Branca.

(Reportagem adicional de Eyanir Chinea)

Tudo o que sabemos sobre:
GERALCHAVEZOBAMA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.