Chapa em 2010 vira prioridade

Dirigentes nacionais do PSDB e do DEM reconhecem que será muito difícil retomar o governo federal em 2010, caso se repita a divisão entre os dois partidos exibida na campanha de São Paulo. Alguns desses líderes avaliam que os dois partidos poderiam ter vencido já no primeiro turno em São Paulo se o prefeito Gilberto Kassab e Geraldo Alckmin tivessem unificado suas candidaturas.No domingo, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso já defendeu publicamente o entendimento regional e nacional entre os dois partidos, já antevendo o cenário político para 2010."Precisamos ver quem é o melhor candidato pensando na cidade e nos passos futuros do Brasil. Tem o PPS, tem setores do PMDB com os quais temos que nos entender para preparar uma futura candidatura presidencial", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.