Cesta básica vai ficar mais barata, diz Dilma

Governo prometeu desonerar tributos federais que incidem sobre o preço

Ana Flor, Reuters

08 de março de 2013 | 18h13

BRASÍLIA - A presidente Dilma Rousseff anunciou nesta sexta-feira, 8, em pronunciamento comemorativo ao Dia Internacional da Mulher, a desoneração integral dos tributos federais que incidem sobre a cesta básica.

Com a medida, o governo pretende atacar a inflação, que continua em níveis elevados, afirmou uma das fontes, sob condição de anonimato.

Dados desta sexta-feira mostram que a inflação dos últimos 12 meses até fevereiro fechou em 6,31 por cento, próximo do teto da meta do governo, de 6,5 por cento pelo IPCA.

O governo já tomou outras medidas para tentar diminuir a inflação, entre eles a redução da conta de energia elétrica, anunciada em janeiro.

"O governo está fazendo as desonerações (em geral) aos poucos, na medida em que há condições para fazê-las", disse à Reuters uma das fontes.

Em fevereiro, em entrevista a rádios do Paraná, a presidente anunciou que o governo estudava a desoneração integral dos tributos federais, além de uma reavaliação de que produtos fazem parte da cesta básica.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.