CCJ arquiva pedidos de quebra de sigilo de Eduardo Jorge

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou, nesta quarta-feira, o arquivamento de dois requerimentos de partidos da oposição que pediam a quebra dos sigilos bancário e fiscal do ex-secretário-geral da Presidência da República Eduardo Jorge Caldas Pereira; de sua mulher, Lídice Coelho Caldas Pereira, irmãos e sócios de Eduardo Jorge em vários empreendimentos. O pedido de arquivamento foi feito pelo senador Bello Parga (PMDB-MA). Na hora da votação, não havia representante das oposições na comissão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.