CCJ aprova pedido de cassação de Calheiros

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado acaba de aprovar, por 17 votos a 3, a constitucionalidade do pedido de cassação do mandato do presidente licenciado do Senado, senador Renan Calheiros (PMDB-AL). O senador é acusado de quebra do decoro parlamentar na operação de compra de duas emissoras de rádio e um jornal em Alagoas por ter, supostamente, registrado as empresas em nome de laranjas. O pedido, que já havia sido aprovado pelo Conselho de Ética do Senado, será agora encaminhado ao plenário do Senado para ser votado na próxima semana. Os votos contrários ao pedido de cassação foram dados pelos senadores Epitácio Cafeteira (PTB-MA), Almeida Lima (PMDB-SE) e Gilvan Borges (PMDB-AP).

ROSA COSTA E CIDA FONTES, Agencia Estado

28 de novembro de 2007 | 12h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.