CCJ aprova Carmen Lucia para o STF

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou, por unanimidade, a indicação da procuradora do Estado de Minas Gerais, Carmen Lúcia Antunes Rocha, para o cargo de ministra do Supremo Tribunal Federal.Para que ela tome posse é necessário ainda que o plenário do Senado confirme a indicação. Carmen Lúcia ocupará a vaga desocupada há mais de um mês, quando o então presidente do STF, Nelson Jobim, se aposentou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.