Caso Renan: senador apresenta voto pela absolvição

Na abertura da sessão do Conselho de Ética do Senado que irá analisar o processo de cassação do mandato do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), o senador Wellington Salgado (PMSD-MG) apresentou um voto em separado, absolvendo Renan. Para Salgado, Renan é vítima de denúncias não fundamentadas. Ele disse que apresentou voto em separado porque se recusou a sucumbir a patrulhamentos e pressões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.