Caso Battisti leva escritor a boicotar Flip

Apontado como principal nome de nova literatura italiana, Tabucchi alega decisão do STF de não extraditar ativista para cancelar vinda ao País

Ubiratan Brasil,

29 de junho de 2011 | 00h49

O escritor italiano Antonio Tabucchi anunciou ontem sua desistência de vir ao Brasil, onde participaria, na próxima semana, da Festa Literária Internacional de Paraty, a Flip. No ano passado, ele também cancelou a vinda, mas por conta de problemas lombares. Agora o motivo é político: Tabucchi alegou, como razão da desistência, a decisão da Justiça brasileira de não extraditar o ex-ativista Cesare Battisti, acusado de participar de quatro assassinatos durante a luta armada que marcou a Itália nos anos de 1970.

 

Apontado pela crítica europeia como o principal representante de uma nova literatura italiana, Antonio Tabucchi, de 67 anos, já vinha criticando tanto a posição brasileira como a da França, que abrigou Battisti baseada na Doutrina Mitterrand, que concede o direito de asilo.

 

Em janeiro, por exemplo, o Le Monde divulgou um texto intitulado Cesare Battisti, um Culpado, em que Tabucchi acusava o caso do ex-ativista de "perturbar as leis vigentes do Ocidente".

 

Segundo ele, a decisão da França de transformar "ataques armados em ‘expropriação proletária’" e de considerar Battisti "um refugiado político" e não autor de quatro crimes justifica a repetida censura sofrida pelo governo francês do Tribunal Europeu dos Direitos Humanos. No fim do artigo, Tabucchi afirma considerar ofensivo que pessoas, sem terem experimentado o que se passou com os italianos, decidam colocar um véu sobre o caso.

 

Depois de ficar preso por mais de quatro anos no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, por falsificação de documentos, Battisti foi posto em liberdade este mês depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu manter determinação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que negava pedido de extradição feito pelo governo italiano.

 

Para a mesa da qual participaria Tabucchi, a organização da Flip convidou Contardo Calligaris - a mediação continua com Ignácio de Loyola Brandão, colunista do Estado. Os ingressos continuam válidos, mas quem preferir restituição poderá fazê-lo na bilheteria do evento em Paraty. Mais informações pelo e-mail flip@ticketsforfun.com.br.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.