Caseiro põe sigilos à disposição da CPI dos Bingos

O advogado Wlício Chaveiro do Nascimento, que defende o caseiro Francenildo dos Santos Costa, chegou ao Senado para entregar ao presidente da CPI dos Bingos, senador Efraim Moraes (PFL-PB), um documento em que Nildo põe à disposição da CPI seus dados bancários, fiscais e telefônicos.A iniciativa de Francenildo leva em conta o fato de o vice-presidente do Senado, Tião Viana (PT-AC), ter anunciado, ontem à noite, que iria apresentar requerimento para quebrar o sigilo bancário do caseiro.Tião Viana disse ontem que quer saber o que o caseiro recebeu em suas contas, incluindo cartão de crédito e poupança, de janeiro para cá. O requerimento do senador de PT, depois que for lido no plenário do Senado, será submetido à apreciação da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e, em seguida, deverá ser encaminhado novamente ao plenário para votação. Quando Viana afirmou que ia pedir a quebra do sigilo foi ironizado pelo senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) ironizou a medida, dizendo que, como as contas do caseiro já haviam sido violadas, cabia agora a Tião "arrebentá-las de uma vez por todas".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.