Candidatos usam foto de Lula ainda com barba

Candidatos a prefeito e a vereador que usam a imagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em sua estratégia eleitoral têm feito propaganda política com fotos antigas do petista, em que ele aparece com barba e os cabelos mais longos.

JULIA DUAILIBI E FERNANDO GALLO, Agência Estado

15 de agosto de 2012 | 10h01

Nas imagens, divulgadas em panfletos e faixas do interior do País a bairros das zonas leste e norte de São Paulo, Lula aparece com o visual de antes do tratamento de combate ao câncer na laringe, feito entre outubro de 2011 e fevereiro deste ano.

Segundo líderes partidários e candidatos, os eleitores País afora ainda não identificam Lula com a imagem nova. O Estado encontrou panfletos com a imagem antiga de Lula em bairros paulistanos das zonas leste e norte, em Salvador e pelo interior de Pernambuco e Ceará.

Candidato a prefeito de Novas Russas, Ceará, Gonçalo Diogo (PMDB) usa a imagem antiga de Lula e conta que, no interior, as pessoas o reconhecem com barba: "Lula é a barba, e o PT é Lula".

Pesquisa qualitativa feita no Recife, na semana passada, com seis grupos de dez eleitores, mostrou a imagem de Lula, sem barba e com cabelos mais curtos, ao lado da presidente Dilma e do candidato local do PT, Humberto Costa. Em dois grupos, de eleitores da classe C, entre 40 e 55 anos, Lula não foi reconhecido.

No fim de julho, o ex-presidente convidou 118 candidatos a prefeito da base aliada em cidades com mais de 150 mil habitantes para uma maratona de fotos a serem usadas na campanha eleitoral. As imagens de Lula com o novo visual foram disponibilizadas pelo PT em seu site.

O Estado andou pelos bairros paulistanos de Tremembé, Brasilândia e Itaquera com uma foto nova de Lula. Das 29 pessoas ouvidas, apenas 7 não sabiam que a imagem era dele.

Tudo o que sabemos sobre:
eleições 2012imagemLula

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.