Candidatos a vice em SP debatem parceria na saúde

Diferentemente do que tem ocorrido entre José Serra (PSDB) e Fernando Haddad (PT), os candidatos a vice-prefeito de São Paulo, Alexandre Schneider (PSD) e Nádia Campeão (PC do B), mantiveram tom moderado em debate promovido nesta quinta-feira (25) pela TV Estadão, com poucos ataques pessoais e foco nas questões locais.

DANIELLE VILLELA, Agência Estado

26 de outubro de 2012 | 09h18

Entre os temas da cidade, a polêmica envolvendo os convênios da Prefeitura com entidades privadas na área da saúde voltou a ser discutida entre os candidatos. Schneider defendeu o fortalecimento das organizações sociais (OS), com criação de um órgão de regulação para os convênios.

Na réplica, Nádia negou que pretenda acabar com os convênios, mas ressaltou a necessidade de fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS). Secretária de Esportes da gestão Marta Suplicy (PT), a candidata a vice de Haddad disse estar "preocupada" com a proposta do partido rival de ceder 25% dos leitos do SUS para a iniciativa privada. "Não concordamos com isso", afirmou.

Os candidatos mostraram que também mantêm posições próximas sobre alguns temas. Ao responderem a uma pergunta sobre a situação das calçadas na cidade, Schneider e Nádia concordaram que a atual legislação precisa ser revista.

As acusações só apareceram no terceiro e último bloco do encontro, quando Nádia incitou o rival a explicar a denúncia de cartel na compra de uniformes na gestão da Secretaria de Educação, no governo de Gilberto Kassab.

"Essa denúncia de formação de cartel é mentirosa, foi feita por uma revista que está sendo processada por mim", afirmou Schneider.

Na sequência, o candidato a vice de José Serra aproveitou suas considerações finais para ressaltar a aliança do PT com Paulo Maluf (PP). "Já tivemos o PSDB e o prefeito Kassab, como tivemos o malufismo e o PT", disse.

Os dois candidatos também falaram sobre suas experiências na Prefeitura. Schneider afirmou que sua gestão na Secretaria de Educação teve "avanços significativos, especialmente frente à situação que encontramos". Nádia, por sua vez, afirmou que fez "projetos importantes" no comando da Secretaria de Esportes, "revitalizando o esporte com poucos recursos". As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

Tudo o que sabemos sobre:
eleições 2012SPdebateTV Estadão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.