André Dusek/Estadão
André Dusek/Estadão

Quem são os candidatos ao cargo de procurador-geral da República para os próximos dois anos

RODRIGO JANOT

1.240 integrantes do Ministério Público Federal vão às urnas na quarta-feira, 5, para escolher quem a categoria indicará ao cargo de procurador-geral da República para os próximos dois anos, O Estado de S.Paulo

03 de agosto de 2015 | 02h02

É o atual procurador-geral da República e tenta a recondução. Enfrenta críticas de parlamentares por ser o autor do pedido de inquéritos contra políticos por suspeita de participação no esquema investigado pela Operação Lava Jato.

CARLOS FREDERICO SANTOS

É tido como candidato de oposição e critica Janot sobretudo por atuar de forma "midiática" na Lava Jato. Foi secretário-geral do Ministério Público da União na gestão de Antonio Fernando de Souza como procurador-geral da República.

RAQUEL DODGE 

Opositora moderada a Janot, a subprocuradora já se candidatou outras vezes ao cargo. Especialista na área criminal, atuou na Operação Caixa de Pandora, que investigou o ex-governador do Distrito Federal José Roberto Arruda (DEM-DF).

 

MARIO BONSAGLIA

 

Considerado candidato próximo a Janot, tem evitado críticas nos debates. Atuou como procurador regional eleitoral em São Paulo de 2004 a 2008 e foi integrante da diretoria da Associação Nacional dos Procuradores da República.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.