Campos volta a falar em desejo de melhorar o País

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), voltou a falar neste sábado sobre o desejo de "melhorar o País" e de "aperfeiçoar a democracia". Cotado como possível adversário da presidente Dilma Rousseff nas eleições do próximo ano, Campos tem lançado mão ultimamente de elogios às conquistas recentes do País ao mesmo tempo em que prega a necessidade de melhorar e olhar para o futuro.

BEATRIZ BULLA, Agência Estado

07 de setembro de 2013 | 14h09

No desfile cívico e militar em comemoração ao 7 de setembro, em Recife, o governador manteve o tom. "O 7 de Setembro é uma data muito importante para que a gente possa celebrar todas as conquistas do País e, ao mesmo tempo, que possamos olhar para o futuro no desejo de melhorar o País, no desejo de aperfeiçoar a democracia, de fazer um país com menos desigualdades, com menos desequilíbrios sociais", disse Campos, de acordo com nota divulgada pela assessoria do governador.

"Temos muito o que celebrar. Esse é o período de vida democrática mais longo que o Brasil tem e nós temos que zelar pela democracia e aperfeiçoá-la. Esse é um valor essencial à construção de novas etapas de desenvolvimento social e econômico em nosso País", reforçou o possível candidato.

Este ano o desfile aconteceu na avenida Marechal Mascarenhas de Morais, no bairro da Imbiribeira. Segundo o Exército, o público do evento chegou a 9.700 pessoas.

Tudo o que sabemos sobre:
7 de setembrodesfilePEEduardo Campos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.