Campanha de Serra aumenta o tom contra Russomanno

Em inserções no rádio, propaganda do tucano critica falta de propostas do candidato do PRB

Isadora Peron, de O Estado de S.Paulo

11 de setembro de 2012 | 16h37

A campanha de José Serra (PSDB) começou a veicular nesta terça-feira, 11, um spot no rádio com ataques ao candidato do PRB, Celso Russomanno, líder nas pesquisas de intenção de voto à Prefeitura de São Paulo. No comercial, a campanha tucana acusa Russomanno de não ter propostas e faz um trocadilho com o nome do candidato do PRB: "Tá russo, mano".

Em uma alusão ao que Russomanno costuma apresentar em seu horário eleitoral na TV, onde aparece cumprimentando os eleitores, a vinheta musical afirma: "Faz promessa, cumprimenta, beija, abraça, aperta a mão. Mas não explica nada, fica só na enrolação".

Nos últimos dias, o petista Fernando Haddad, tecnicamente empatado com Serra em segundo lugar nas pesquisas, também intensificou as críticas ao candidato do PRB. Na segunda-feira, 10, Haddad disse que votar em Russomanno é "dar um salto no escuro".

Enem. Outros comerciais de Serra no rádio são direcionados ao candidato do PT. Em um deles, o nome do petista é ligado ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), reformulado por Haddad quando ele foi ministro da Educação. O exame colecionou problemas nos últimos três anos em que foi aplicado. A letra da música também faz um trocadilho com o nome do adversário: "Ah! Dá de ele fazer com a cidade o que fez com o Enem".

Outro spot critica, ao mesmo tempo, duas propostas do petista: a de criar os centros Hora Certa para exames e consultas e o de implantar o Bilhete Único Mensal. "Despertador Hora Certa: acorda Haddad", diz um trecho da vinheta musical, imitando a voz do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, padrinho político do petista. "Esse papo do bilhete que não vale pro metrô e nem pro trem, está errado, é do Haddad", continua a propaganda.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.