Câmara suspende direitos de Donadon

Condenado por peculato e formação de quadrilha, deputado (ex-PMDB-RO) está preso desde 28/06

Daiene Cardoso , Agência Estado

09 de julho de 2013 | 18h00

O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), determinou nesta terça-feira a suspensão das prerrogativas parlamentares do deputado federal Natan Donadon (ex-PMDB/RO), preso desde o dia 28 de junho após condenação por peculato e formação de quadrilha. "Suspendemos todas as suas prerrogativas como parlamentar até que seja concluído o processo", anunciou Alves.

A defesa do parlamentar tem até esta quarta-feira, 10, para apresentar sua defesa na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que analisa o processo de cassação de mandato. O relatório do deputado Sérgio Zveiter (PSD-RJ) poderá ser votado já na quinta-feira, 11, e o plenário da Casa deverá votar sua cassação na próxima semana, antes do recesso, marcado para o dia 17. Caso não seja apresentada a defesa, abre-se novo prazo de cinco sessões ordinárias.

Tudo o que sabemos sobre:
Donadondireitossuspensão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.