Câmara notifica Jaqueline Roriz pelo Diário Oficial da União

Deputada, flagrada em vídeo recebendo dinheiro, terá até a próxima segunda-feira para apresentar sua defesa à Corregedoria da Casa

Agência Estado

21 de março de 2011 | 11h41

Brasília - A Câmara dos Deputados notificou nesta segunda-feira, 21, a deputada federal Jaqueline Roriz (PMN-DF) por meio do Diário Oficial da União (DOU). A partir da publicação do "Edital de Citação", a parlamentar terá cinco dias úteis para apresentar à Corregedoria da Casa a sua versão sobre os fatos pelos quais está sendo investigada. Jaqueline Roriz foi flagrada em vídeo recebendo um pacote de dinheiro do ex-secretário de Relações Institucionais do Distrito Federal Durval Barbosa. Na prática, ela tem prazo até a próxima segunda-feira, dia 28, para apresentar a sua defesa.

A gravação na qual Jaqueline recebe o dinheiro de Durval Barbosa foi divulgada pelo portal Estadão.com.br, no início do mês. Posteriormente, a deputada explicou, em nota, que o dinheiro era de caixa dois da campanha eleitoral em 2006, quando ela conquistou uma vaga para a Câmara Legislativa do Distrito Federal.

A notificação é a primeira etapa do processo. O corregedor Eduardo da Fonte (PP-PE) terá de esperar pela defesa de Jaqueline e somente depois poderá preparar um parecer pedindo que a Mesa remeta a investigação ao Conselho de Ética, na qual já tramita uma representação do PSOL.

Na semana passada, Jaqueline não esteve na Câmara, pois está de licença médica. Funcionários da Câmara foram três vezes até a casa de Jaqueline e também não a encontraram. Dessa forma, foi impossível entregar pessoalmente a notificação. Por isso, Fonte decidiu publicar a citação no DOU. O processo contra a deputada havia chegado à Corregedoria na quarta-feira da semana passada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.