Câmara do DF elegerá presidente da CPI nesta terça

Deputado Geraldo Naves renunciou à presidência após ter nome envolvido em escândalo de corrupção

estadao.com.br,

08 Fevereiro 2010 | 12h38

Os deputados da Câmara Legislativa do Distrito Federal que compõem a CPI da Corrupção vão se reunir nesta terça-feira, 9, à partir das 10h, para eleger seu novo presidente, após a renúncia do deputado Geraldo Naves (DEM) ao cargo.

 

Veja também:

link Sobrinho de Arruda deixa cargo e agrava cenário de crise

link Deputado entregou bilhete a testemunha a pedido de Arruda

 

A CPI investiga o esquema de corrupção no governo local, conhecido como "Mensalão do DEM", e a CCJ é responsável pela análise dos três pedidos de impeachment do governador José Roberto Arruda, que é apontado em inquérito policial como chefe do esquema.

 

Segundo o presidente da Câmara, Wilson Lima, o deputado Geraldo Naves, que havia sido eleito esta semana presidente da CCJ, decidiu se afastar das investigações após seu nome ter sido envolvido no escândalo.

 

A convocação para a reunião em caráter extraordinário, feita pelo vice-presidente da CPI, Batista das Cooperativas (PRP), está publicada no Diário da Câmara Legislativa da sexta-feira, 5. Também deve ser indicado um nome para a vaga aberta pela renúncia da deputada Eliana Pedrosa (DEM), que saiu da CPI no final de janeiro.

 

Com informações da CLDF

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.