Câmara do DF decide votar projeto que acaba com 14º e 15º salários

Decisão foi tomada após cobrança da imprensa e pressão popular; deputados do Distrito Federal recebem, além do salário normal e do 13º, mais duas ajudas de custo no valor de R$ 20.032,50

Fábio Fabrini, da Agência Estado

28 de fevereiro de 2012 | 17h14

BRASÍLIA - Depois de mais uma semana de pressão popular, a Câmara Legislativa do Distrito Federal decidiu nesta terça-feira, colocar em votação projeto de lei que extingue o pagamento de 14º e 15º salários aos deputados. O texto será levado a plenário na quarta-feira, 29, para ser apreciado em caráter de urgência.

 

A decisão foi tomada depois de reportagens na imprensa cobrarem a apreciação do projeto que estava engavetado. Atualmente, além dos salários normais e do 13º salário, os deputados distritais recebem ainda duas ajudas de custo em fevereiro e dezembro, cada uma de R$ 20.032,50, o mesmo valor do salário.

Tudo o que sabemos sobre:
Câmara LegislativaDistrito Federal

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.