Câmara divulga datas de 'esforço concentrado' em agosto e setembro

Votações realizadas no segundo semestre ainda não têm pauta definida; líderes definirão o calendário

Eduardo Bresciani, do estadão.com.br

10 de julho de 2012 | 19h06

O presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), anunciou nesta terça-feira,10, as datas dos chamados “esforços concentrados” para a realização de votações nos meses de agosto e setembro. Pelo calendário, a Casa deve realizar votações em cinco semanas, três em agosto e duas em setembro. Nas outras quatro semanas destes meses e na primeira de outubro não haveria votações.

Pelo calendário, as votações na Câmara serão realizadas nos dias 1 e 2, 7 a 9 e 21 a 23 de agosto e 4 a 6 e 18 a 20 de setembro. A pauta ainda será definida pelos líderes.

Enquanto fazem acordo para o futuro, os líderes não conseguiram entendimento para realizar votações nesta terça. O presidente da Casa vai chamar sessões extraordinárias durante toda a quarta-feira,11, para tentar votar algumas Medidas Provisórias antes do recesso. A oposição anuncia obstrução descontente com a liberação de emendas parlamentares.

Sem votações no plenário, os parlamentares focarão o trabalho nessa noite na Comissão Mista de Orçamento (CMO) onde tentam aprovar a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). A intenção dos parlamentares é aprovar o projeto em plenário até esta quarta-feira para antecipar o recesso parlamentar, que oficialmente começaria apenas no dia 18 de julho.

 

Tudo o que sabemos sobre:
CâmaraMarco MaiaLDO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.