André Dusek|Estadão
André Dusek|Estadão

Câmara deve votar hoje Sistema Único de Segurança Pública e cadastro positivo

Oposição, porém, continuará obstruindo a sessão, o que deve atrasar ou até mesmo inviabilizar as votações

Igor Gadelha, O Estado de S.Paulo

11 Abril 2018 | 16h16

BRASÍLIA - O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quarta-feira que tentará votar na sessão plenária de hoje o projeto que cria o Sistema Único de Segurança Pública (SUSP) e o que altera as regras do cadastro positivo. 

+ Lula entra com último recurso contra condenação na segunda instância

A oposição, porém, continuará obstruindo a sessão, o que deve atrasar ou até mesmo inviabilizar as votações. Pela manhã, Maia fez uma reunião com líderes em busca de acordo para destravar as votações. Mas opositores não abriram mão da obstrução em protesto contra prisão do ex-presidente Lula.

Mais cedo, a bancada do PT na Câmara decidiu  obstruir os trabalhos da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) se avançar a apreciação de emendas à Constituição, em especial a PEC que propõe deixar explícito na Carta Magna a execução de pena após condenação em segunda instância. A posição do PT teve apoio de partidos de oposição ao governo e suporte parcial de DEM e PSDB.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.