Câmara aprovará CPMF até fim de setembro, diz Chinaglia

Durante cerimônia de 7 de setembro, presidente da Casa diz ser 'normal' haver tensão em torno do tema

REUTERS

07 de setembro de 2007 | 14h59

Apesar do curto prazo, o presidente daCâmara dos Deputados, Arlindo Chinaglia (PT-SP), prometeu nestasexta-feira aprovar na Casa a proposta que prorroga a CPMF atéo fim de setembro. O petista considerou natural haver tensão em torno do temae deu um recado ao governo, do qual faz parte: "Não bastapautar, tem que articular." "Como a pauta está trancada há duas semanas, imagino que aobstrução seja à CPMF. Temos produzido pequenos acordos (paradestravar a tramitação). Ainda que num ritmo mais lento, a CPMFdeve ser votada até o fim de setembro", disse ele apósparticipar do desfile de 7 de setembro, ao lado do presidenteLuiz Inácio Lula da Silva, em Brasília. Durante a cerimônia, Lula e Chinaglia trocaram algumaspalavras e se impressionaram com a apresentação da esquadrilhada fumaça. (Por Natuza Nery)

Mais conteúdo sobre:
POLITICADESFILEATUALIZA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.