Câmara aprova mais de um fundo para servidor

O plenário da Câmara aprovou hoje em plenário o destaque que confirma a alteração feita ontem no projeto que regulamenta a Previdência Complementar para o servidor público - de que poderá haver mais de um fundo de pensão para atender os servidores da União, Estados e municípios. O destaque foi aprovado por 377 votos a favor e nenhum contrário. Um segundo destaque do PSDB foi retirado de votação e um terceiro está em processo de análise.O destaque que está em votação no momento é o que determinará que os planos terão contribuição (paga pelo servidor ao fundo) definida e benefício (recebido durante a aposentadoria) definido, segundo informou o vice-líder do governo no Congresso, deputado Ricardo Barros (PPB-PR).A Câmara está votando os destaques de votação em separado (DVSs) do projeto que organiza os fundos de pensão para os servidores. O texto do projeto havia sido aprovado no fim de 2000 e só ontem a votação das emendas de plenário foram retomadas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.