Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Cai confiança na Justiça, nas Forças Armadas e governo federal

A pesquisa CNT-Sensus divulgada hoje mostrou que as Forças Armadas, a Justiça e o Governo Federal foram as instituições que sofreram a maior perda de confiança da população desde março. Segundo a pesquisa, a Igreja é a instituição em que os entrevistados mais confiam - seu índice cresceu de 36,3% em março para 44,3% em julho. As Forças Armadas estão em segundo lugar, mas a citação da instituição caiu de 19,3% para 12%. A imprensa e os meios de comunicação ocuparam a terceira posição, que pertencia à Justiça, e sua citação subiu de 10,4% para 11,2%. Já a confiança na Justiça, que ficou em quarto lugar na pesquisa, caiu de 14,9% para 9,7%. A confiança na polícia subiu de 4,1% para 5,4%, no governo federal caiu de 5,6% para 4,1% e a no Congresso, oscilou de 1,1% para 1,5%. O diretor técnico do instituto Sensus, Ricardo Guedes, avaliou que as quedas da confiança nas Forças Armadas e na Justiça são consequência dos debates em torno da Previdência Social, já que as duas instituições estariam lutando por uma previdência diferenciada do resto da população. A análise foi reforçada pelo presidente da CNT, Clésio Andrade: "As pessoas não querem privilégios, querem transformações", avaliou. Para ler mais sobre os resultados da pesquisa CNT-Sensus: Cai a avaliação positiva do governo LulaPopulação tem menos confiança na diminuição do desempregoÍndice de satisfação do cidadão fica estávelMaioria da população acha que paga muito impostoAvaliação pessoal do presidente é boa, avalia o ministro Mantega

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.