Keila Jimenez, O Estadao de S.Paulo

20 de agosto de 2008 | 00h00

Primeiro dia de horário eleitoral gratuito e, mal preparo o meu espírito para o que vem pela frente, quando drª Havanir quase o arranca do meu corpo ao surgir, ao berros, avisando o nome dela, é claro. Não dá tempo de se recompor. É a vez de um tal de Dinei, candidato gavião da fiel que logo decreta que "corintiano vota em corintiano" e promete nunca me abandonar. Sai de mim. Alguém me avisa que ele foi craque do timão. Ah, tá. Jogando por uma vaga na Câmara estão também Ademir da Guia - nossa, ele ainda joga bola? - e Wladimir, ídolo do Corinthians.E chega a hora do quiz show Fui eu que fiz! Descubro que Afanasio Jazadji criou o disque-bombeiro. E que Nice Mendes é "advogada e tem um filho homossexual". Essa é a coisa mais importante da plataforma dela, fazer o quê?O Partido Verde ganha reforço com Aldine Miller, em figurino bem mais comportado que seus sucessos no Canal Brasil. E, direto do tatame... Pequim? Mas não era horário eleitoral ? Ah, é Aurélio Miguel, agora candidato a vereador, usando velharias olímpicas para emocionar, ou confundir o eleitor. E é a vez de Eymael: Eba, "eeeeeeymael, o democrata cristão...." Ué, já acabou? Ah não, cadê o jingle do Eymael, o maior hit da parada eleitoral? Já vou avisando, não adianta insistir, não falarei mal da plataforma política de Alice, a costureira.Nossa, conheço esse homem. De onde mesmo? Eu já vi a cara dele. Ah, foi na TV. Não, foi na Caras. É o marido de Ana Maria Braga, Marcelo Frisoni, que também é candidato, claro. Ele engrossa o time dos maridos e mulheres de alguém, que conta com nomes como: Marli Marley, casada com Ary Toledo, e Irani Pinheiro, que avisa que é "mulher do Maguila". Isso explica muito.Mas superprodução mesmo é a campanha de Levy Fidelix. Escola de samba com direito a porta-bandeira e amigos e vizinhos com cartolina na mão. O que estava escrito nelas? Não deu tempo de ver.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.