Cachoeira diz que não gravou vídeo com subprocurador

O bicheiro Carlos Cachoeira negou hoje, em depoimento na sindicância da Polícia Federal, que seja o autor da gravação de uma fita de vídeo em que o subprocurador José Roberto Santoro ouve o seu depoimento de madrugada em circunstâncias consideradas impróprias. Na saída do depoimento, Cachoeira foi vaiado por grevistas da Polícia Federal que fazem piquete na porta da Superintendência. Cachoeira disse que foi depor na condição de testemunha. Seu advogado, Raimundo Hermes Barbosa, informou que Cachoeira vai participar da acareação que será promovida pela CPI da Loterj com o ex-assessor da Casa Civil, Waldomiro Diniz. "Ele não tem nada a esconder", disse o advogado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.