Cabral diz 'confiar' que Lula vetará mudança no modelo de exploração do pré-sal

Alteração, aprovada pela Câmara na última madrugada, afeta royalties da produção petrolífera.

BBC Brasil, BBC

02 Dezembro 2010 | 18h00

O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), disse nesta quinta-feira em Buenos Aires que "confia" que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai vetar o projeto que muda o modelo de exploração do pré-sal.

O novo sistema de partilha na produção de petróleo, que visa aumentar o controle da União sobre os recursos do pré-sal e dividir seus royalties não apenas entre Estados produtores, foi aprovado na última madrugada na Câmara dos Deputados e vai para sanção de Lula.

Estados produtores, como Rio e Espírito Santo, se beneficiam do modelo atual, que lhes garante a maior parte dos royalties.

A Câmara aprovou também a criação de um fundo social para abrigar os recursos obtidos na produção petrolífera e ser aplicado em projetos de educação e saúde, por exemplo.

Cabral disse nesta sexta-feira que a emenda aprovada é um "desrespeito completo". "Lula já garantiu que vai vetar, e eu confio no presidente", declarou.

"Vamos redesenhar os percentuais dos royalties de maneira que todos os Estados recebam, mas que o percentual do Rio aumente de tal forma que compense a perda na Participação Especial", agregou o governador.

* Com reportagem de Márcia Carmo, de Buenos Aires para a BBC Brasil BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.