Cabo Patrício assume Câmara do DF e convoca Mesa Diretora

Deputado petista assumiu presidência da Casa no lugar de Leonardo Prudente, que foi afastado pela Justiça

estadao.com.br,

20 de janeiro de 2010 | 18h30

O presidente em exercício da Câmara Legislativa, deputado Cabo Patrício (PT), informou em entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira, 20, que a Mesa Diretora da Casa se reunirá nesta quinta-feira, às 14h, para discutir o fim do recesso parlamentar e o andamento dos trabalhos na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Codeplan e da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que investigam denúncias de corrupção contra o governador José Roberto Arruda e deputados citados no inquérito da Polícia Federal decorrente da operação Caixa de Pandora.

 

Veja Também

linkBarbosa promete comprometer Arruda em depoimento à CPI

 

Patrício adiantou que vai defender o fim do recesso. Ele destacou que o presidente tem a prerrogativa de autoconvocar a Casa, mas vai discutir primeiro com a Mesa Diretora e depois com todos os deputados distritais. Para ele, a Câmara deve voltar a funcionar normalmente, inclusive com a realização de sessões plenárias.

 

O presidente em exercício quer que a prioridade na Câmara seja dada às investigações contra o governador José Roberto Arruda e deputados citados, mas não descartou a votação de projetos. Ele enfatizou, no entanto, que é necessário maior agilidade no andamento dos processos de impeachment contra o governador.

 

Patrício informou que convocará uma reunião com todos os 24 deputados distritais para a próxima sexta-feira, 22, para decidir sobre o fim do recesso.

 

O afastamento da presidência do deputado Leonardo Prudente (sem partido), de acordo com Patrício, será publicado no Diário da Câmara Legislativa (DCL) desta quinta-feira, 21.

 

Questionado sobre a possibilidade de Leonardo Prudente renunciar à presidência, Patrício disse que isto não atrapalharia as investigações. Caso isto ocorra, segundo ele, a Casa teria sete dias para promover a eleição de um novo presidente.

Tudo o que sabemos sobre:
DFArrudadeputadosPrudenterecessoCPI

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.