Buarque lê manifesto pelo afastamento de Sarney

O senador Cristovam Buarque (PDT-DF) leu no começo da noite no plenário um manifesto contra a permanência do senador José Sarney (PMDB-AP) na presidência do Senado. Segundo a nota, "para recuperar a dignidade do Senado, é preciso a apuração com credibilidade de todas as denúncias contra a administração da Casa". O manifesto é assinado pelos líderes do PSDB, PDT, DEM, PSOL e ainda pelos senadores Tião Viana (PT-AC), Flávio Arns (PT-PR), Augusto Botelho (PT-RR), Pedro Simon (PMDB-RS), Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) e Renato Casagrande (PSB-ES).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.