Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

Bruno Covas inicia nesta terça segundo ciclo de quimioterapia

Procedimento deve durar cerca de 30 horas; boletim médico fala em 'boas condições clínicas'

Redação, O Estado de S.Paulo

11 de novembro de 2019 | 15h45

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), vai iniciar nesta terça-feira, 12, o segundo ciclo quimioterapia infusional para tratamento de câncer metastático no aparelho digestivo. O procedimento deve durar cerca de 30 horas. 

Segundo boletim médico, a decisão foi tomada com base "nas boas condições clínicas do prefeito e dos resultados dos exames mais recentes". "Os trombos estão sob controle e já diminuíram. Por isso, a medicação anticoagulação, que era por via intravenosa, passou a ser administrada por via subcutânea", afirma o texto. 

Covas está internado desde o dia 23 de outubro, inicialmente para tratar de uma infecção de pele na perna direita. O prefeito teve uma trombose na perna e um coágulo que evoluiu para uma tromboembolia pulmonar (coágulos que se formaram nos dois pulmões). 

A investigação da tromboembolia mostrou que o prefeito tem um câncer localizado na cardia, local de ligação entre o esôfago e o estômago, que já havia sofrido metástase e atingido fígado e linfonodos. Após a primeira sessão de quimioterapia, na semana passada, os médicos descobriram mais um trombo, desta vez no coração.   

Covas não deixou o cargo e tem enviado vídeos a secretários e às redes sociais. Em seu apartamento, tem recebido secretários e aliados políticos. Sua equipe mantém as costuras para viabilizar sua reeleição, mesmo com ele internado. 

O prefeito Bruno Covas está sendo acompanhado pelas equipes médicas coordenadas por David Uip, Roberto Kalil Filho, Raul Cutait, Artur Katz, Tulio Eduardo Flesch Pfiffer, Cyrillo Cavalheiro Filho e Andre Echaime Vallentsits Estenssoro.

Tudo o que sabemos sobre:
Bruno Covas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.