Brindeiro quer inquérito criminal contra Jader

O procurador-geral da República, Geraldo Brindeiro, reafirmou, após conversa de duas horas com técnicos do Banco Central, que vai pedir a abertura de inquérito criminal contra o senador Jader Barbalho (PMDB-PA), em decorrência do desvio de verbas do Banpará na época em que Jader era governador do Estado. Brindeiro reiterou também sua disposição de pedir quebra do sigilo bancário e fiscal do senador. Ele não definiu o período que o pedido para quebra do sigilo abrangeria, explicando que não basta rastrear os depósitos, mas também os saques. Após a conversa com os técnicos do BC, Brindeiro concluiu que o Tesouro não cobriu os cheques administrativos desviados para a conta dos parentes de Jader Barbalho. Brindeiro informou que pretende entrar em contato com o Ministério Público do Pará para que seja providenciada uma ação de indenização contra o senador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.