Brasil está fora da rota da pneumonia, diz OMS

A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou, hoje, que está tirando o Brasil da lista de locais onde é encontrada a pneumonia atípica. Em entrevista, depois de fazer o anúncio, o diretor do departamento de doenças transmissíveis da OMS, David Heymann, afirmou que a decisão de excluir o País da lista negra foi baseada no fato de que há mais de 20dias as autoridades locais não identificam um só casoda pneumonia."É uma notícia muito boa que estamos dando, pois mostra que a doença pode ser controlada em algumas regiões", afirmou Heymann. Segundo ele, porém, o Brasil não pode se descuidar nos próximos meses, pois o vírus pode facilmente chegar ao País em vôos vindos de outras regiões do mundo. "O risco continua para o Brasil, assim como para qualquer outro país", completou o diretor da OMS. Até agora, mais de 500 casos de morte já foram registrados por causa da pneumonia e, hoje, a OMS decidiu ampliar a lista dos locais que sugere que não sejam visitados. Além de Pequim, Hong Kong e outras províncias chineses, a entidade incluiu Taiwan na lista.Veja o índice de notícias sobre a pneumonia atípica

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.