Brasil entrou em rota de crescimento, diz Lula

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou hoje que o País caminha para ser cada vez mais forte econômica e socialmente. "Felizmente o Brasil entrou numa rota de crescimento", disse Lula, destacando os esforços do governo para promover ações de qualificação de jovens brasileiros e prepará-los para o mercado de trabalho. Na avaliação do presidente, a medida é importante porque "os jovens são o futuro do Brasil".Na solenidade de recepção dos recrutas do Programa Soldado Cidadão, no Quartel General do Exército, o presidente comemorou o fato de o governo ter conseguido aumentar o número de pessoas que servirão o Exército este ano. Ele afirmou que as dificuldades de obter recursos, que levaram à redução da incorporação de recrutas, não voltarão mais. Esse ano bateu um recorde de pessoas incorporadas, segundo os dados do Exército nos últimos 15 anos. Em março, o Comando recebeu 70 mil recrutas e, em agosto, mais 30 mil. Com a voz embargada, ele falou da importância do esforço do governo de conseguir elevar o número de incorporações e fazer com que parte desse contingente participe de um programa de qualificação profissional, que faz parte do Programa Primeiro Emprego. "Quero pedir alguma coisa a vocês: Não deixem de exigir nada deles (dos recrutas) mas também os tratem como se fossem os nossos filhos", disse Lula emocionado para uma platéia de militares e ministros. Lula contou que foi um jovem frustrado por não ter conseguido servir o Exército. Ele disse que não sabe o motivo de não ter sido aceito na época em que tinha 18 anos - se pela baixa estatura ou por excesso de contingente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.