Brasil é exemplo no combate à pneumonia atípica, diz OMS

Em uma entrevista para mais de cem jornalistas de todo o mundo, realizada ontem em Genebra, a Organização Mundial da Saúde (OMS) citou o Brasil como "um exemplo no que se refere às medidas tomadas para evitar que os casos identificados da pneumonia atípica se alastrasse no País". Um dos cientistas da entidade apontou que, além do País, a África do Sul é outro "bom exemplo" do que se pode fazer para evitar uma contaminação por parte da doença misteriosa. Segundo a OMS, o Brasil está seguindo as recomendações feitas pela entidade sediada em Genebra. Entre as principais sugestões está o isolamento das pessoas que estejam contaminadas pelo vírus ou que exista uma suspeita de estarem contagiadas pela doença. Além de elogiar o modo pelo qual o governo brasileiro está tratando do assunto, a OMS ainda afirmou que o País conta com "laboratórios exemplares" e especialistas que estão contribuindo para que as cidades brasileiras não se tornem locais de transmissão da doença.Veja o índice de notícias sobre a pneumonia atípica

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.