Brasil e Europa negociam retomada da venda de carne

Representante brasileiro deve entregar nova lista de fazendas auditadas.

Márcia Bizzotto, BBC

14 de fevereiro de 2008 | 11h15

O secretário de Defesa Agropecuária do Brasil, Inácio Kroetz, se reúne nesta quinta-feira com altos representantes da divisão de Saúde e Proteção ao Consumidor da Comissão Européia (o órgão Executivo da União Européia) para negociar uma possível retomada nas exportações de carne brasileira para o bloco.As vendas estão suspensas desde 1º de fevereiro porque o Executivo europeu se negou a aceitar a lista de 2.681 fazendas aprovadas pelo Brasil para vender o produto à Europa, alegando que esperava uma lista com apenas 300 propriedades. Kroetz deve entregar às autoridades européias uma nova lista com o nome de 600 fazendas, cujos controles sanitários teriam sido auditados e aprovados pelos técnicos do governo brasileiro e estariam em acordo com as exigências européias.Ele também deve apresentar relatórios individuais com as conclusões das auditorias nessas fazendas."Qualquer decisão que tomarmos será com base nas informações presentes nos relatórios individuais, nas evidências de que as fazendas listadas realmente cumprem todas as exigências sanitárias", afirmou Nina Papadoulaki, porta-voz do comissário Kyprianou, sem estimar quanto tempo isso poderá tomar.PrejuízosDe acordo com cálculos do governo brasileiro, a suspensão das exportações de carne à UE causa diariamente um prejuízo de R$ 5 milhões ao País.Em 2007 o Brasil enviou à UE um total de 543,55 mil toneladas de carne, 67% do total importado pelo bloco, no valor de US$ 1,4 bilhão (cerca de R$ 2,45 bilhões).O governo se recusa a comentar as atuais negociações. "Foram os comentários à imprensa que prejudicaram as negociações no caso da primeira lista. Esta vez só falaremos depois das reuniões", disse à BBC Brasil uma fonte do Ministério de Agricultura.A reunião entre o secretário brasileiro e as autoridades européias devem se estender até esta sexta-feira.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
carneunião européiauebruxelas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.