Brasil doa 1,5 milhão de vacinas contra febre aftosa

O governo brasileiro formalizou hoje a doação de 1,5 milhão de doses de vacina contra a febre aftosa para o Paraguai e a Bolívia. Técnicos da Delegacia Federal de Agricultura em Ponta Porã (MS) entregaram 500 mil doses para o governo do Paraguai. Em Corumbá, um milhão de doses foram entregues à Bolívia. A iniciativa faz parte do programa para erradicar até 2009 a doença em todo o hemisfério.Essa é a segunda doação que o governo brasileiro faz ao Paraguai e à Bolívia neste ano, informou o diretor substituto do Departamento de Defesa Animal do Ministério da Agricultura, Jamil Gomes de Souza. Em março, foram doadas um milhão de doses de vacina contra febre aftosa para o Paraguai e outras 500 mil doses para a Bolívia. "Além de doar vacinas, o governo brasileiro oferece apoio técnico aos dois países", informou. Recentemente, a Bolívia detectou dois focos de aftosa nas comunidades de Monteagudo (Departamento de Chuquisaca) e Betanzos (Departamento de Potosí), situados na Bacia do Rio Prata, a 3 km da fronteira com a Argentina e a 7 km da fronteira com o Paraguai.O diretor lembrou que as vacinas servirão para imunizar bovinos em pequenas propriedades, localizadas na fronteira com o Brasil. O rebanho bovino do Paraguai é de 9,5 milhões de cabeças e da Bolívia, 7,5 milhões. O Brasil tem 82% de seu rebanho de 183 milhões de cabeças reconhecidos como livres da doença. Há mais de dois anos sem registro de casos da doença, o Brasil lidera o processo de prevenção e combate à aftosa no continente sul-americano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.