Bornhausen: ministros devem ser anunciados hoje

O presidente nacional do PFL, Jorge Bornhausen, acredita que os nomes dos novos ministros de Minas e Energia e da Previdência Social sejam anunciados ainda hoje. Ele está aguardando contato do presidente Fernando Henrique Cardoso, com quem deve se reunir logo mais. O senador garantiu que serão escolhidos um deputado e um senador para os cargos, mas não antecipou as indicações, afirmando ser esta uma decisão do presidente. "Eu não vou interferir, nem para fazer ponderação sobre o problema geopolítico", afirmou Bornhausen.Ele ressaltou que não vetará nomes, diante da especulação de que a bancada de Pernambuco estaria sendo privilegiada com a provável nomeação do senador José Jorge para o Ministério da Previdência, e a recondução do deputado Inocêncio Oliveira à liderança do PFL. Os dois deputados pernambucanos são ligados ao vice-presidente Marco Maciel. Com relação a cogitação do nome de Eliseu Rezende para a pasta de Minas e Energia, Bornhausen afirmou que não há qualquer impedimento, apesar do parlamentar ter sido alvo de denúncias durante o período em que assumiu o Ministério da Fazenda, durante o governo Itamar Franco. "Não haverá contestação de minha parte a qualquer indicação", afirmou. Segundo Bornhausen, caberá aos futuros ministros decidirem com o presidente Fernando Henrique a manutenção ou não dos cargos no segundo escalão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.