Bombeiros tentam controlar incêndio na Câmara dos Deputados

Bombeiros estão interditando, com cordões de isolamento, as entradas da Câmara dos Deputados, por causa de um incêndio que começou em um dos setores de ar condicionado da Casa. Os bombeiros informaram que o fogo é mais intenso do que se pensava a princípio e que acabam de chamar reforços. Em meio a muita fumaça, houve correrias de bombeiros e seguranças e estes avisaram ao presidente da Câmara, deputado Aldo Rebelo, sobre o que estava ocorrendo, no momento em que ele deixava o plenário, de onde já haviam se retirado todos os deputados. Seguranças alertaram Aldo a não tomar o elevador. O deputado checou o trabalho dos bombeiros e deixou o local antes da constatação de que o fogo havia irrompido também no Salão Negro da Câmara, para onde correram os bombeiros.

Agencia Estado,

06 de março de 2006 | 20h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.