Bombeiros mudam estratégia de busca de modelo

O Corpo de Bombeiros de São Sebastião, no litoral norte, irá mudar a estratégia de resgate da modelo Fernanda Vogel e do piloto Ronaldo Jorge Ribeiro, ambos desaparecidos desde o acidente de helicóptero que também envolveu o empresário João Paulo Diniz, na sexta-feira. A partir de agora, as buscas estarão concentradas na região em que o aparelho caiu, na praia de Maresias. "Temos de trabalhar com a hipótese de que no caso de afogamento, eles estejam próximos da aeronave", afirmou o capitão Carlos Eduardo Smicelato, do 17º Batalhão de Corpo de Bombeiros, após a reunião que teve com João Paulo, na casa de praia dos Diniz."O mais importante para nós foi ele explicar o local exato do acidente", disse Smicelato, que faria um sobrevôo de helicóptero na área. Até amanhã, equipes de mergulhadores concentrarão as buscas na região que o aparelho caiu.Segundo o bombeiro, Diniz informou que ninguém no aparelho portava coletes salva-vidas no momento do acidente. Diniz também não forneceu muitos detalhes da queda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.