Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Bolsonaro vai até Roraima após defender campo de refugiados para venezuelanos

Pré-candidato do PSL vai visitar uma unidade militar na capital do Estado e participar de eventos políticos

Constança Rezende, O Estado de S.Paulo

09 Abril 2018 | 16h43

RIO - O pré-candidato do PSL à Presidência, deputado federal Jair Bolsonaro, visitará Roraima, na próxima quinta-feira, 12. Bolsonaro pretende visitar uma unidade militar em Boa Vista, a um encontro do partido para algumas filiações e, à noite, fará palestra com empresários.

+ Bolsonaro encara ambiente hostil no PSL 

Em 14 de março, Bolsonaro defendeu em entrevista ao Estado a construção de campos de refugiados para receber venezuelanos que chegam do Estado como refugiados, por causa da crise em seu país.

Na entrevista, Bolsonaro afirmou que “calculam” que Boa Vista tenha em torno de 40 mil venezuelanos e declarou que “nós já temos problemas demais aqui”. “Se vamos incorporar àquele exército que recebe Bolsa Família, quem vai pagar isso aí? Vamos aumentar impostos?”, disse.

O pré-candidato acrescentou que Roraima estava fadada ao fracasso por causa da “política ambiental indigenista". Bolsonaro lidera pesquisas de intenção de voto em cenários sem a presença do ex-presidente Luiz Inácio da Silva

Veja abaixo trechos da entrevista de Jair Bolsonaro ao Estado

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.