Adriano Machado/Reuters - 28/1/2022
Adriano Machado/Reuters - 28/1/2022

Bolsonaro publica post em apoio a podcaster antivacina envolvido em polêmica no Spotify

Através do Twitter, presidente apoiou Rogan afirmando defender a 'liberdade de expressão'; podcaster está no centro de polêmica por promover desinformação sobre o coronavírus em seu programa no Spotify

Redação, O Estado de S.Paulo

02 de fevereiro de 2022 | 23h19

O presidente Jair Bolsonaro publicou nesta quarta-feira, 2, uma mensagem em apoio ao podcaster antivacina Joe Rogan, envolvido em polêmica por promover desinformação sobre o coronavírus em seu programa no Spotify.

Através do Twitter, Bolsonaro escreveu um post, em inglês, apoiando Rogan e afirmando a necessidade de defender a "liberdade de expressão".

“Eu não tenho certeza o que o @joerogan pensa sobre mim ou sobre meu governo, mas não importa. Se a liberdade de expressão significa alguma coisa, significa que as pessoas deveriam ser livres para dizer o que elas pensam, não importa se eles concordam ou discordam de nós. Defenda seu território! Abraços do Brasil”, escreveu o presidente.

Na última quarta-feira, 26, o Spotify anunciou que as músicas de Neil Young estavam sendo removidas, após o cantor e compositor se opor a que elas fossem reproduzidas na mesma plataforma que oferece o podcast de Rogan. Artistas como Joni Mitchell e Nils Lofgren também cortaram laços com o Spotify em protesto à desinformação promovida pelo podcast hospedado no streaming.

Após as críticas, a plataforma anunciou que disponibilizará links em todos os podcasts que mencionem a Covid-19, com a intenção de levar seus usuários a informações cientificamente confiáveis. A plataforma chegou a perder US$ 2 bi em valor de mercado com a polêmica.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.