Evaristo Sá/AFP
Evaristo Sá/AFP

Bolsonaro: 'Mais importante que eleição para presidente são 2 vagas para o STF ano que vem'

Em desvantagem nas pesquisas de intenção de voto, presidente diz a apoiadores que ainda 'vai acontecer muita coisa até as eleições'

Daniel Weterman, O Estado de S.Paulo

04 de fevereiro de 2022 | 12h02

Brasília - O presidente Jair Bolsonaro apontou a escolha de mais dois ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) como mais importante do que a própria eleição para o comando do Executivo em outubro.

A declaração foi dada há pouco a apoiadores no Palácio da Alvorada. Bolsonaro tenta ampliar sua influência na Corte, que durante o atual mandato impôs derrotas ao governo e sofreu ataques do presidente.

Entre os 11 ministros do STF, Bolsonaro indicou Kassio Nunes Marques e André Mendonça. O presidente eleito em outubro terá o poder de indicar outros dois em 2023, nas vagas de Ricardo Lewandowski e Rosa Weber. Bolsonaro já acenou que os escolhidos serão ligados ao agronegócio, se ele for reeleito.

"Mais importante do que a eleição para presidente são duas vagas para o Supremo ano que vem", disse Bolsonaro. Em seguida, uma apoiadora afirmou: "é isso mesmo, presidente, a luta vai ser lá". De acordo com o presidente, "vai acontecer muita coisa até as eleições".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.