Gabriela Biló/Estadão
Gabriela Biló/Estadão

Bolsonaro diz que indicará novo procurador-geral da República até segunda

Mandato da atual PGR, Raquel Dodge, termina em 17 de setembro

Daniel Weterman, O Estado de S.Paulo

07 de agosto de 2019 | 11h00

BRASÍLIA - O presidente Jair Bolsonaro pretende indicar o futuro procurador-geral da República até segunda-feira, 12. Ao deixar o Palácio da Alvorada na manhã desta quarta-feira, 7, Bolsonaro declarou que o subprocurador Augusto Aras "está no radar para a vaga" e citou a possibilidade de Raquel Dodge ser reconduzida.

"Eu acredito, no máximo até segunda-feira (indicar), até para dar tempo de conversar, fazer sabatina (no Senado), de modo que, quando Raquel (Dodge) saindo, ou caso ela seja reconduzida, já esteja tudo resolvido", declarou Bolsonaro.

Perguntado se Aras era o favorito, o presidente respondeu que o nome "está no radar". "Todo mundo está no radar", disse, ao ser questionado sobre outros nomes e se havia se encontrado com outros candidatos ao cargo.

O mandato de Raquel Dodge termina no dia 17 de setembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.